Onironauta

Dentro do zilhão de afazeres

à esquerda da cervejinha gelada do final da tarde

a geração a qual lhes foi negado o happy hour

(vide novas leis de trânsito)

delira firme um mundo novo

 

Os vícios diminuem de modo inversamente proporcional ao volume de tarefas

Uma regra simples para qualquer semi-responsável

Não há desespero ou conflito interno

não há histeria ou depressão

Há apenas o bom e velho

Caminho

 

Um terreno bem preparado não é feito de ansiedade

planejamentos exatos e sacrifícios de deixar cabelos em pé

e sim de experiências, sabores coloridos que se babam em erros épicos

é disso que são feitos os guerreiros mais velhos nas batalhas

Para estes sobreviventes

 

O amadurecimento não é um cubo alienígena

Não é uma esfinge a ser decifrada que te devorará

Se não tiver seus livros do segundo grau decorados

 

Para eles

é apenas o início de um sonho lúcido

que terá todas as antigas variáveis e reveses

mas fará parte apenas do que sabem já ser

Anúncios

Sobre Tomaz Sá

Sinto, penso logo escrevo Ver todos os artigos de Tomaz Sá

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: